AutoconhecimentoCarreiraCompetênciasEmpreendedorismoInteligência Emocional

Uma grande lição de Liderança e Autoestima

By 30 de agosto de 2018 No Comments

Todos sabem que os filmes gostam de trazer belas histórias.

Esses dias, assisti a um filme intitulado: Universidade dos Monstros. Bem engraçadinho, mas que escondia uma grande lição de moral. O personagem principal, Mike Wazowsk, sonhava em ser um monstro assustador, mas precisava trabalhar a sua autoestima.  Ele percorreu todos os passos com muito esforço e dedicação, sendo assim aprovado na Universidade dos Monstros, um sonho desde criança. Porém, logo quando entrou, viu de perto tudo se tornar real, mas ele percebeu que não seria nada fácil.

A vida é difícil

Primeiro, a principal dificuldade foi a falta de credibilidade perante os outros monstros, pois Wazowsk não tinha uma aparência assustadora, competência considerada necessária. Segundo, ouviu duras críticas, principalmente do monstro Sulley, um sujeito prepotente e arrogante, mas com um enorme potencial para ser assustador. Ele ouviu pessoas dizendo que ele não era bom e que não ia conseguir, o que o intrigava, pois estudou muito e sabia todas as técnicas que estavam nos livros. Mas o tempo foi passando e ele descobriu que não conseguiria fazer nada sozinho e pensava como ter autoestima iria ajudá-lo a vencer.

Tentando encontrar uma saída

Wazowsk viu um cartaz na universidade que informava sobre um evento chamado “Olimpíada dos Sustos”, o que seria uma grande chance para que ele pudesse provar a todos que era um campeão. Então, conseguiu convencer alguns monstros nada convencionais e foi obrigado a aceitar Sulley em sua equipe (que de equipe não tinha nada).  A disputa começou e certamente eles não entendiam que só ganhariam o jogo atuando juntos. Wazowsk aos poucos percebeu que cada um tinha habilidades que sozinhas não faziam tanta diferença, mas juntas, tinham grande poder para vencer.

A pratica leva à perfeição

Então ele começou a treinar a equipe com todo o conhecimento que adquiriu nos estudos, e Sulley que agora era seu melhor amigo, deixou de ser prepotente para ajudar a equipe com seus conhecimentos.

No fim, a equipe foi vencedora e Wazowsk se tornou o “técnico dos monstros assustadores”, além de um grande motivador de equipes!

O que aprendi

  • Devemos dar foco nas competências que somos fortes, trabalhar as fraquezas e delegar o resto!
  • Pessoas difíceis podem ser grandes aliadas se aprendermos a lidar com elas. Pense que também podemos ser difíceis para quem está ao nosso redor.
  • Todos nós temos competências fortes. Todos nós somos excelentes em algo. O que nos falta é autoconhecimento.
  • Estude muito! Nada supera um bom conhecimento técnico aliado as demais competências comportamentais.
  • Descobrir como ter autoestima é muito importante. Ela é tudo nessa vida.
  • Confie em si mesmo e acredite no seu potencial.

Dessa forma, seja nos estudos, na elaboração de metas ou no seu trabalho, tenha consciência que com muita dedicação podemos alcançar o sucesso!

Lucilia Notaroberto

Mestra em Administração, professora de empreendedorismo. Ajuda empresas a estruturar processos e equipes de vendas com foco em agilidade, padronização e produtividade. Além disso, é idealizadora do programa Mulher Estrategista que tem como objetivo desenvolver lideranças femininas para potencializar a sua representatividade no mundo dos negócios.

Leave a Reply